Buscar
  • Rodrigo Tosta – Coach RT Performance e Zwift

COMO CONJUGAR O TÊNIS DE TREINO E O DE COMPETIÇÃO


É bem comum vermos atletas usando modelos de tênis diferentes em treinos e provas. Esse é um procedimento que recomendamos à boa parte de nossos atletas.

Se você pretende usar essa estratégia, tenha em mente os motivos e leve em conta os seguintes aspectos:

1) Para os treinos, principalmente os longos e de rodagem, procure um tênis que seja mais estruturado e que te traga um maior conforto e durabilidade.

2) Para as provas, busque um modelo que seja mais leve, respirável, responsivo e que tenha um bom “grip”, assim a tendência é que você consiga uma melhor performance.

3) Esteja atendo ao “drop” desses tênis (que é o resultado, em milímetros, da diferença entre a espessura da entressola do calcanhar e da parte dianteira), pois não deve haver diferença entre seu modelo de treinos e de provas.

4) Por último, mas não menos importante, a escolha dos tênis é algo totalmente individual e deve levar em conta a anatomia dos seus pés, sua técnica, sua pisada, histórico esportivo, lesões pré-existentes e objetivos.

Avalie todos esses pontos antes de eleger seus modelos, para não ser levado pelo marketing e propagandas a comprar os, supostamente, melhores e mais rápidos tênis do mundo.


0 visualização

Posts recentes

Ver tudo

5 FORMAS DE TREINAR NO ZWIFT

Não é novidade para ninguém que o treinamento indoor foi, é e provavelmente continuará sendo por muito tempo, a maior área de crescimento no mercado de triathlon e ciclismo. Existem muitas razões prát

© 2017 Criado por Fluxo Comunicação Esportiva